Selo de Qualidade em Transplantes

Para realizar o monitoramento e avaliação dos serviços, a SESA/PR passará a certificar os Centros Transplantadores com o “Selo de Qualidade em Transplantes no Paraná”, organizado em níveis básico, intermediário e avançado, incluindo a utilização de indicadores pré-selecionados, a saber:

NÍVEIS DO “SELO DE QUALIDADE EM TRANSPLANTES NO PARANÁ” PARA CENTROS TRANSPLANTADORES

SELO BÁSICO • Todos os protocolos técnicos ativos, incluindo o de intercorrências clínicas;
• Ambulatório pré-transplante e pós-transplante estabelecido e ativo com equipe multidisciplinar;
• Programa de capacitação periódica para equipes;
• Oferta mínima de consultas e transplantes/ano – pactuado com cada serviço;
• Avaliação de resultados: registro inicial de dados para construção dos indicadores selecionados;
• Todos os requisitos instituídos por portarias.
SELO INTERMEDIÁRIO Nível básico acrescido de avaliação de resultados (indicadores quantitativos):
Indicador 1 – Percentual de consultas pré-transplantes
META: aumento nas consultas pré-transplante em relação ao ano anterior.

Indicador 2 – Número de transplantes frente ao preconizado ABTO.
META: aumento (em percentual) no número de transplantes/ano X preconizado ABTO em relação ao ano anterior.

Indicador 3 – Número de transplantes por milhão de população, por órgão, no ano anterior ao do relatório.
META: aumentar número absoluto de transplantes/milhão em relação ao ano anterior.
SELO AVANÇADO Nível básico + alcance de metas nível intermediário, acrescido de indicadores qualitativos:
Indicador – sobrevida de paciente ao transplante.
Meta: aumento sobre situação do ano anterior.
Recomendar esta página via e-mail: