Conceitos e Definições

Nascimento

  • É a completa expulsão ou extração, do organismo materno, de um feto, independentemente do fato de o cordão ter sido cortado ou de a placenta estar inserida.
  • Fetos pesando menos de 500g não são viáveis e, portanto, não são considerados como nascimento para fins de estatísticas perinatais.
  • Na ausência de peso de nascimento, a idade gestacional de 20 a 22 semanas completas é considerada equivalente a 500g.
  • Quando não se sabe nem o peso nem a idade gestacional, o comprimento de 25cm (crânio - calcanhar) é considerado equivalente a 500g.

Vida ao Nascimento
A vida é considerada presente ao nascimento quando o RN respira ou mostra qualquer outra evidência vital, tal como: batimento cardíaco, pulsação do cordão umbilical ou movimentos efetivos da musculatura voluntária.

Nascido Vivo
É o produto de um nascimento no qual existe evidência de vida ao nascer.

Coeficiente de Natalidade
Número de nascimentos x 1000 habitantes 
    População da área 

Aborto
É a expulsão ou extração de um embrião ou feto pesando menos de 500g 
(aproximadamente 20-22 semanas de gestação), independentemente ou não da presença de sinais vitais. 

Morte Fetal
É a morte do produto da concepção, ocorrida antes da sua completa expulsão ou extração do organismo materno, independentemente do tempo de gestação. A morte é indicada pelo fato de que, depois da separação, o feto não respira nem mostra qualquer outro sinal de vida, como batimentos cardíacos, pulsações do cordão umbilical ou movimentos de músculos voluntários. A mortalidade fetal se divide em precoce, intermediária e tardia. A mortalidade fetal precoce refere-se aos abortos e está compreendida no período entre a concepção e a vigésima semana de gestação, no qual o feto tem um peso aproximado de 500g. 

A morte fetal intermediária ocorre entre a 20ª e a 28ª semana de gestação (com pesos fetais entre 500 e 1000g) e a fetal tardia entre a 28ª (1000 g) e o parto.

Natimorto
É o produto do nascimento de um feto morto. Considera-se feto morto aquele que nasce pesando mais de 500g e que não tem evidência de vida depois de nascer. Para fins de cálculos estatísticos de taxa de mortalidade perinatal para comparação internacional, somente se incluirão fetos mortos que pesam 1000g ou mais ao nascer.

Coeficiente de Natimortalidade ou de Mortalidade Fetal
       Número de natimortos (22 semanas)              x 1000
Número total de nascimentos (vivos e mortos)

Período Neonatal
Compreende as quatro primeiras semanas de vida (0 a 28 dias incompletos). Denomina-se período neonatal precoce a primeira semana completa ou os sete primeiros dias de vida, e período neonatal tardio, as três semanas seguintes.

Morte Neonatal
É a ocorrida no período neonatal, ou seja, nas quatro primeiras semanas, isto é, entre 0 e 28 dias incompletos após o nascimento. À criança morta dentro deste período, dá-se o nome de neomorto.

Morte Neonatal Precoce
É a morte de um RN antes de sete dias completos de vida (até 168h completas)

Morte Neonatal Tardia
É a morte de um recém- nascido depois de sete dias completos, mas antes de 28 dias completos de vida.

Coeficiente de Mortalidade Neonatal
Número de óbitos de crianças com menos de 28 dias x 1000
                  Número de nascidos vivos 

Coeficiente de Mortalidade Neonatal Precoce
Número de óbitos de crianças até sete dias (168 horas) 
                    Número de nascidos vivos                           x 1000 

Coeficiente de Mortalidade Neonatal Tardia
Número de óbitos de crianças sete a 28 dias incompletos x 1000
                      Número de nascidos vivos 

Período Perinatal
O período perinatal começa em 22 semanas completas (154 dias) de gestação (época em que o peso de nascimento é normalmente de 500g) e termina com sete dias.

Coeficiente de Mortalidade Perinatal
Número de natimortos + Número de óbitos de crianças até sete dias de vida x 1000
                              Número total de nascimentos vivos e mortos

Morte Infantil
É a ocorrida no primeiro ano de vida. Divide-se em neonatal (primeiros 28 dias incompletos) e pós - neonatal (nos meses seguintes) .

Coeficiente de Mortalidade Materna
Número de óbitos de mães por causas relacionadas com gestação, parto, puerpério
                                        Números de nascimentos  x 100.000

Recomendar esta página via e-mail: