Matérias da SESA

07/06/2019

Incorporação do Centro de Reabilitação ao HT é discutida com conselhos profissionais

HTA Secretaria de Estado da Saúde e o Hospital do Trabalhador (HT) apresentaram a profissionais e entidades de classe a proposta de incorporação do Centro Hospitalar de Reabilitação Ana Carolina Moura Xavier (CHR) ao HT. A ideia é otimizar os recursos disponíveis e sub-utilizados no Centro de Reabilitação e complementar a assistência já oferecida pelo HT.  

“As duas unidades se complementam”, avalia o diretor geral do HT, Geci Labres de Souza Junior. De acordo com ele, a assistência ao trauma oferecida pelo hospital vai se integrar perfeitamente com a reabilitação a ser disponibilizada no CHR. “Esperamos elevar a taxa de ocupação desta unidade com atuais de 9% para 70 a 80%, com qualidade”, afirma o diretor.

O Centro Hospitalar de Reabilitação vai acrescentar 70 leitos de enfermaria e 10 leitos de UTI ao HT, criando assim o Complexo Hospitalar do Trabalhador. Hoje, o HT já possui 172 leitos de enfermaria e outros 40 de UTI adulto/neo/pediatria.

Para a presidente do Conselho Regional de Fisioterapia, Terapia Ocupacional do Paraná (Crefito-8), Patrícia Rossafa Branco, o CHR tem uma importância fundamental para os profissionais dessas categorias. “Temos total interesse de trabalho e parceria com vocês, contribuindo com grupos de trabalho, capacitação e formação diferenciada, com total apoio financeiro e estrutural. Gostaríamos de ser agentes ativos dentro desse processo”, afirma. 

A presidente do Coren-PR, Simone Aparecida Peruzzo, fez questão de relembrar as dificuldades que os serviços de saúde enfrentam e, diante disso, os bons serviços prestados pelo HT. “Mesmo em meio a situações econômica do país, profissionais desmotivados e outras situações, eu olho para o HT e isto me enche na esperança. Não tenho dúvidas sobre o sucesso dessa incorporação que também tem total apoio do Coren-PR”.

Já a superintendente de Atenção em Saúde da Sesa, Maria Goretti David Lopes, ressaltou a plena confiança depositada na gestão do HT para a administração do CHR. “Estamos empolgados com esse projeto, que tem total apoio do governo do Paraná, e temos certeza que vai dar certo”.

No final de maio, o projeto foi apresentado ao Conselho Regional de Medicina do Paraná (CRM-PR). No encontro desta quinta-feira, estiveram presentes representantes do Crefito-8, Conselho Regional de Enfermagem do Paraná (Coren-PR) e Associação Brasileira de Fisioterapia Neurofuncional (Abrafin), a diretoria e responsáveis pelos setores de enfermagem, fisioterapia e reabilitação do HT e representantes da Sesa.

Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.