Matérias da SESA

10/07/2019

Apucarana sedia a terceira etapa de regionalização de cursos de especialização da Escola de Saúde Pública

16Vinte anos depois, o município de Apucarana recebe um curso da Escola de Saúde do Paraná. Nesta quarta-feira (11), na sede da 16ª Regional de Saúde, os 46 alunos do curso de Especialização em Saúde Pública participaram da aula inaugural.

São profissionais de diferentes ramos, que numa carga de 380 horas/aula, pretendem alinhar variadas experiências pedagógicas, pensando em alternativas e desafios para o sistema de saúde.

O secretário de Estado da Saúde, Beto Preto, esteve na abertura das atividades da primeira turma e reafirmou os desafios em planejar a saúde de forma regionalizada, oportunizando o aprimoramento do conhecimento.

Isso mostra a vontade governador Ratinho Junior em regionalizar a saúde no Paraná. Trouxemos para Apucarana, por meio da Regional, este curso. Aqui teremos profissionais de vários municípios, ampliando o conhecimento e pensando em saúde. Estamos num outro momento, viramos a chave da história, porque queremos ações que privilegiem todo o Estado, levando saúde para perto das pessoas. Esta foi a missão dada pelo governo”.

Mais de 30 municípios enviaram profissionais para o curso em Apucarana, sem qualquer custo para os servidores. Dois outros cursos já foram realizados, o primeiro m Curitiba e o segundo em Londrina. Segundo Beto Preto, já há previsão de novas turmas para os municípios Região Metropolitana de Curitiba, Guarapuava, Irati e Ponta Grossa. "Estamos atendendo o Paraná por inteiro", destacou.

Na opinião do chefe 16 Regional de Saúde, Altimar José Carletto, o curso é um grande oportunidade oferecida pelo Estado. Ele, que também é aluno da especialização, disse que está contente em poder ao mesmo tempo gerenciar as atividades para realização curso e ampliar o conhecimento. "Grande oportunidade e uma demonstração efetiva do respeito pelos profissionais de saúde. É motivo de muito orgulho podermos promover esta especialização aqui".

ENGAJAMENTO  - A grande quantidade de profissionais inscritos na pós-graduação e o interesse dos alunos surpreendeu a coordenadora do curso e integrante da Escola de Saúde do Paraná, Cláudia Rhinow Humphreys Esquinazi. "Não imaginava que seria algo tão grandioso. Meu agradecimento vai para o secretário Beto Preto, para a direção da Regional, que recebeu a ideia com muito entusiasmo e nos apoio. Trabalho há 30 anos na área de especialização e nunca vi um acolhimento e uma recepção tão calorosa como aqui. Dedicando a nossa atenção e engajamento aos nossos alunos, que são o motivo de tudo isso".

De acordo com a representante da Escola Nacional de Saúde Pública, da Fundação Oswaldo Cruz, Rosa Maria Pinheiro Souza, o Paraná é um dos principais estados que valoriza efetivamente a produção e troca de conhecimento em saúde. "Quando chego ao Paraná e vejo essa vontade das coisas acontecerem, logo penso que é aqui mesmo que temos que fazer muito mais. Contem sempre comigo, porque dessas formações nascem projetos importantes para a transformação da realidade da saúde pública".

Estiveram presentes ainda o prefeito de Apucarana, Junior da Femac, os prefeitos de Arapongas, Sérgio Onofre, de Jandaia do Sul, Benedito Púpio, diretores de Unespar, Daniel Gomes, da Facnopar, Danilo Freire, e da FAP, Lisando

Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.