Beto Preto pede intensificação de ações contra a dengue no Litoral
21/12/2019 - 12:20

Verão Maior
A equipe de agentes comunitários de saúde do município de Antonina, no Litoral do Paraná, foram orientadas pelo secretário de Estado da Saúde, Beto Preto, a reforçar o trabalho de campo e de orientação à população sobre a dengue. A reunião aconteceu neste sábado (21), durante o lançamento da Operação Verão Maior, que aconteceu em Matinhos.

"Temos que unir esforços e contar com o apoio e o engajamento de todos, principalmente neste momento que estamos em guerra contra o mosquito da dengue", afirmou.

No Paraná, cerca de cinco mil agentes de endemias estão atuando fortemente para identificar e eliminar possíveis criadouros. 

O prefeito de Antonina, Zé Paulo, agradeceu o apoio do Governo e destacou a importância do engajamento contra o aedes aegypti. "Muito importante essa conversa com os agentes, temos certeza que quanto mais a gente ampliar essa mensagem de cuidado, envolvendo todas as esferas do poder público, teremos mais sucesso para eliminar a dengue".

SITUAÇÃO ATUAL – Atualmente, 266 municípios apresentam notificações para a dengue, que passam de 16.596 no Paraná. Os municípios com maior número de casos confirmados são: Santa Isabel do Ivaí, com 205 casos; Inajaí, com 71 e Nova Cantu, com 56.

São 11 cidades com epidemia: Paranacity, Nova Cantu , Quinta do Sol, Inajá, Santa Isabel do Ivaí, Ângulo, Colorado, Doutor Camargo, Floraí, Uniflor e Florestópolis.

"Temos que tocar as mentes e os corações da nossa gente. A dengue mata e por isso temos que agir e eliminar qualquer possível criadouro. Fazer um trabalho efetivo, porque a questão da dengue não pode ser esquecida", reafirmou o secretário.