Sistema Estadual de Regulação

Regulação

 

A Secretaria Estadual de Saúde do Paraná, como parte do Sistema Único de Saúde – SUS, segue os princípios e diretrizes norteadores deste.

 

A regulação no SUS está organizada e definida através da Portaria nº 1.559, de 1º de agosto de 2008 que institui a Política Nacional de Regulação. As ações desta política estão organizadas em três dimensões de atuação, interligadas e integradas entre si: Regulação de Sistemas de Saúde, Regulação da Atenção à Saúde e Regulação do Acesso à Assistência. Esta última pode também ser denominada de regulação do acesso ou regulação assistencial.

A Regulação do Acesso à Assistência é responsável pela organização, controle, gerenciamento e priorização do acesso e dos fluxos assistenciais no SUS. Abrange as unidades reguladoras e a regulação médica exerce a autoridade sanitária para garantir o acesso baseado em protocolos, classificação de risco e outros critérios de priorização (PORTARIA Nº 1.559, 2008).

Regulação do Acesso à Assistência também denominada regulação do acesso ou regulação assistencial, tem como objetos a organização, o controle, o gerenciamento e a priorização do acesso e dos fluxos assistenciais no âmbito do SUS, e como sujeitos seus respectivos gestores públicos, sendo estabelecida pelo complexo regulador e suas unidades operacionais e esta dimensão abrange a regulação médica, exercendo autoridade sanitária para a garantia do acesso baseada em protocolos, classificação de risco e demais critérios de priorização.

O Complexo Regulador envolve as centrais / locais de Regulação de Consultas e Exames Especializados, Internações Hospitalares e de Urgências. As atribuições do Complexo Regulador, conforme a Política Nacional de Regulação, são:

Fazer a gestão da ocupação de leitos e agendas dos estabelecimentos de assistência à saúde

  • Absorver ou atuar de forma integrada aos processos autorizativos
  • Efetivar o controle dos limites físicos e financeiros
  • Estabelecer e executar critérios de classificação de risco
  • Executar a regulação médica do processo assistencial

O Estado do Paraná, em 1995, iniciou o Complexo Regulatório com a regulação ambulatorial e hospitalar. No decorrer dos anos este Complexo passou por alterações e mudanças. Neste momento, o Estado do Paraná encontra-se em processo de implantação do sistema informatizado de regulação Care Paraná. O funcionamento é on-line e abrangerá os seguintes módulos:

  • Regulação ambulatorial de consultas e exames especializados
  • Regulação de internação hospitalar
  • Regulação eletivo
  • Regulação faturamento – AIH
  • Regulação faturamento – APAC
  • Samu
Care Paraná

 

 

Internação

 

Ambulatorial

 

Eletivo

 

SAMU

 

Faturamento - AIH

 

Faturamento - APAC

 

Cirurgia Bariátrica

 

 

 
Requisitos para acessar o CARE Paraná

As configurações mínimas dos computadores para acesso ao sistema são:

 

Hardware

  • Processador: Processador com no mínimo 3.0 Ghz;
  • Memória (RAM): Memória com no mínimo 4 Gb;
  • Armazenamento interno (HD / SSD): Espaço livre para armazenamento local no mínimo de 10 Gb;
  • Monitor: Resolução mínima 1280x1024.

 

Software

  • Sistema operacional com versão atualizada: Windows 7 ou superior / Linux Ubuntu 16.04 ou superior;
  • Navegador WEB: Mozilla Firefox Português/Br versão 61.0 ou superior;
  • Visualizador de arquivos PDF: Adobe Reader, Envice ou similares.

 

Instruções

Como instalar uma versão atualizada do Mozilla Firefox, sem desinstalar outras versões já utilizadas.

Clique

 
Como acessar o CARE Paraná

Para acessar o Sistema Estadual de Regulação, prossiga com os seguintes passos:

  • Verificar e adequar as configurações do computador, atentando para o fato de acessar o sistema Care Paraná pelo navegador Mozilla Firefox versão 60 ou superior.
  • Fazer o cadastro na Central de Segurança, através do link GSUS - Sistema de Gestão Hospitalar e Ambulatorial e clicando em "Ainda não sou cadastrado". Se já possui cadastro na Central de Segurança iniciar o processo no passo seguinte. Ao encontrar alguma dificuldade no acesso, ligue 41 3330-4777.
  • Enviar para a Regional de Saúde os dados necessários para liberar o acesso ao sistema de regulação. Os dados mínimos a serem enviados são: nome completo, CPF, estabelecimento de saúde onde trabalha, módulo e perfil que utilizará no sistema. Verificar com a Regional de Saúde como estes dados devem ser encaminhados.
  • Após a liberação de acesso, fazer o login no sistema com o CPF e a senha criada no momento do cadastro na central de segurança e escolher o módulo/unidade que deseja acessar (ambulatório ou regulação de leito).

 

Suporte para Sistema CARE-PR:

Telefone: (41) 3330-4777
 

Sistema MV

 

 

Consulta e Exames

 

Leitos

 

APAC

 

SAMU

 

Indicadores

 

AIH

 

PPI - Controle e Avaliação

 

Urgência e Emergência

 

 
Acesso ao Sistema:

Primeiramente, verificar em sua Área de Trabalho (Desktop) se já existe o ícone referente ao Sistema de Regulação, caso contrário proceder da seguinte forma:

  • Escolher o módulo desejado;
    • Clique na palavra Acesso para abrir o sistema e informe os seguintes itens:
      USUÁRIO: NOME.SOBRENOME - conforme indicado.
      SENHA: a senha padrão é 123456 e no seu primeiro login será necessário redefini-la.
      PERFIL: atividade realizada pelo usuário. (ex: assistente, regulador, executante, administrador, etc).
      ESTABELECIMENTO: local de trabalho do usuário.

Caso o tamanho da tela não permita a visualização completa da página do sistema, clique na barra de endereço do navegador e tecle F11. Em caso de maiores dúvidas sobre acesso e operacionalização, entre em contato com o Suporte Operacional.

 
Requisitos para instalação

Requisitos Mínimos Necessários Para Utilização do Sistema

1. Internet banda larga 10Mb ou superior.
2. Sistema Operacional Windows XP ou superiores.
3. Flash Player 10 ou superior atualizado.
4. Resolução de tela 1024 X 768 pixels ou superior.
5. Aplicativo Java versão 7 ou superior.
6. Navegadores de internet atualizados, ex.:
• Internet Explorer versão 7 ou superior.
• Mozilla Firefox 8 ou superior.
• Google Chrome atualizado.