Escola Pública de Saúde incentiva e promove a formação profissional no Estado
20/02/2020 - 09:10

Escola
A Escola de Saúde Pública do Paraná - Centro Formador de Recursos Humanos, realiza aula inaugural dos cursos de Residência  Multiprofissional em Saúde Mental e de Enfermagem Obstétrica no próximo dia 2 de março. Os cursos, com duração de dois anos,  fazem parte do Programa de Residência da Secretaria de Estado da Saúde do Paraná e neste ano terá o ingresso de 12 profissionais.

A Residência Multiprofissional  tem o objetivo de formar profissionais especialistas em Saúde Mental e as vagas são voltadas para graduados em Enfermagem, Farmácia, Psicologia, Serviço Social e Terapia Ocupacional.

A Residência em Enfermagem Obstétrica visa a especialização no atendimento integral da gestante e cuidados com o recém-nascido.

Além das residências, a ESPP também dará início em março a dois cursos sobre Vigilância em Saúde em parceria com o Instituto de Ensino e Pesquisa do Hospital Sírio-Libanês. O curso de Especialização em Vigilância, terá etapas presenciais em Curitiba, e o curso Introdutório em Epidemiologia, etapas presenciais em Curitiba, Londrina, Maringá, Foz do Iguaçu, Cascavel e Guarapuava.

“Nosso objetivo é qualificar profissionais da área da Saúde em todos os níveis de atenção do SUS, de maneira articulada e que respondam as demandas locais e regionais. A principal meta desta gestão, que é promover serviços de qualidade para todo o paranaense, passa também pela formação, capacitação e especialização dos profissionais, por isso a importância destes e de todos os cursos ofertados pela Escola de Saúde do Paraná”, afirmou o secretário de Estado da Saúde, Beto Preto.

A Escola de Saúde Pública do Paraná mantém em sua grade cursos presenciais, de formação inicial, profissional e especialização; cursos de Educação a Distância; de Residência Médica e Multiprofissional em Saúde Mental, Enfermagem e Obstetrícia, tendo como premissa a educação permanente em saúde.

“São 35 módulos promovidos durante todo o ano que contemplam  profissionais da saúde em todos os níveis e também interessados na área. Tivemos no ano passado 618 certificados em cursos técnicos e 26.630 inscritos em EaD”, disse o diretor da Escola de Saúde Pública do Paraná, Edevar Daniel.

“Neste momento também estamos organizando um curso, em parceria com a Sesa.  para atualização em Vigilância em Saúde Ambiental, que será direcionado para equipes que trabalham diretamente no combate à dengue; terá etapas presenciais e EaD”, complementou o diretor.

A grade de cursos da ESPP-CFRH, pode ser acessada no site escoladesaude.pr.gov.br

Revista – A Escola de Saúde também publica semestralmente a Revista de Saúde Pública do Paraná , com artigos originais, de revisão, resenhas, comunicações breves e relatos de experiências produzidos por profissionais da área. Os interessados em publicar trabalhos na próxima edição podem acessar o link revista.escoladesaude.pr.gov.br/índex.php/rspp  até o dia 15 de março.

“A revista é um estímulo à pesquisa e aprimoramento das ações que repercutem nas condições de vida e no cuidado de saúde das populações e a principal proposta é da disseminação do conhecimento nas diversas modalidades”, destaca o diretor Edevar Daniel.

A próxima edição da revista de Saúde Pública do Paraná será publicada em julho.

FOTO: Escola de Saúde Pública