Saúde libera recursos para novos equipamentos do Hospital Regional do Sudoeste
29/03/2019 - 12:50

HRS
O secretário estadual de Saúde, Beto Preto, assinou liberação de recursos de R$ 1.161 milhão para o Hospital Regional do Sudoeste, que fica em Francisco Beltrão e faz parte da rede de unidades próprias do estado do Paraná, sendo administrado pela Funeas – Fundação Estatal de Atenção em Saúde do Estado do Paraná.
“Reafirmamos assim a meta de regionalização da Saúde do Governo Ratinho Junior e da SESA, levando assistência especializada e de qualidade para os municípios”, afirmou Beto Preto.

Participaram da assinatura, no gabinete do secretário, o presidente da Funeas, Marcello Machado; a diretora geral do Hospital Regional do Sudoeste, Cintia Ramos; o diretor-técnico, Walter Pecoits Filho; e a diretora de Engermagem, Nadia Zanella.
Parte da verba foi liberada por meio de emenda parlamentar do ex-deputado federal Assis do Couto, e apoio dos deputados estaduais que representam a região Sudoeste, Ademar Traiano e Wilmar Reichembach.

A verba será aplicada na compra de equipamentos para: endoscopia , exame de imagens capaz de diagnosticar doenças do aparelho digestivo; colonoscopia , exame de imagens para diagnóstico de doenças do intestino; histeroscopia , exame que permite visualizar o interior do útero, colher amostras e fazer pequenas correções cirúrgicas; litotriptor, equipamento utilizado no tratamento de cálculos renais, biliares e vesiculares, e um equipamento de videolaparotomia, para realização de cirurgias por vídeo na região abdominal.
“São equipamentos para exames importantes que vão ajudar a melhorar as condições de saúde e tratamento da poulação da região sudoeste. São mais de 40 municípios das 7ª e 8ª Regionais de Saúde (Pato Branco e Francisco Beltrão) com cerca de 600 mil habitantes”, informou Beto Preto.


REFERÊNCIAS – O Hospital Regional do Sudoeste tem 135 leitos, 5 salas cirúrgicas, 20 leitos de UITs adulto e neonatal, 5 leitos para cuidados intermediários. A isntituiçao realiza cerca de 900 atendimentos por mês de urgência e emergência, 1.800 atendimentos ambulatoriais, 430 procedimentos cirúrgicos e 90 partos.
Segundo a diretora Cintia Ramos, o hospital é referência em trauma, gestação de alto risco, cirúrgia pediátrica e urologia.
“Com os novos equipamentos vamos melhorar e agilizar ainda mais o nosso atendimento”, afirmou a diretora.