Programa de Análise de Resíduos de Agrotóxicos em Alimentos - Para

O Programa de Análise de Resíduos de Agrotóxicos em Alimentos - Para foi criado em 2000 e instituído em 2003, pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária – Anvisa, conforme Resolução RDC nº 119, de 19 de maio de 2003. Tem como objetivo avaliar continuamente os níveis de resíduos de agrotóxicos nos alimentos, fortalecendo a capacidade do Governo no que se refere a atender a segurança alimentar e evitando possíveis danos à saúde da população. Em 2016, o Estado do Paraná resolve implementar o seu programa (Programa Estadual de Análise de Resíduos de Agrotóxicos em Alimentos - Para/PR), não fazendo mais parte  do Programa de Análise de Resíduos de Agrotóxicos em Alimentos - Para da Anvisa.

 
Programa Estadual de Análise de Resíduos de Agrotóxicos em Alimentos – Para/PR

O Programa Estadual de Análise de Resíduos de Agrotóxicos em Alimentos – Para/PR, foi instituído em 2011, pela Secretaria de Estado da Saúde do Paraná, conforme Resolução Sesa n° 0217, de 02 de setembro de 2011. Tem como objetivo avaliar continuamente os níveis de resíduos de agrotóxicos nos alimentos, fortalecendo a capacidade do Estado no que se refere a atender a segurança alimentar e evitando possíveis danos à saúde da população. É coordenado pela Divisão de Vigilância Sanitária de Alimentos do Centro Estadual de Vigilância Sanitária e pelo Laboratório Central de Saúde Pública do Paraná – Lacen/PR, ambos vinculados a Superintendência de Vigilância em Saúde. 

 
Programa Estadual de Controle de Resíduos de Medicamentos Veterinários em Alimentos de Origem Animal - PAMvet - PR
 
Histórico

O PAMvet-PR (Programa Estadual de Controle de Resíduos de Medicamentos Veterinários em Alimentos de Origem Animal), foi criado pela Secretaria de Estado da Saúde do Paraná pela Resolução Sesa n.º 337 de 30 de julho de 2003. O programa é coordenado pela Divisão de Vigilância Sanitária de Alimentos do Departamento de Vigilância Sanitária e pelo Laboratório Central de Saúde Pública do Paraná, pertencentes  a Superintendência de Vigilância em Saúde. Com o objetivo de implantar, acompanhar e avaliar as ações do Programa foi instituído o Grupo Técnico-Científico - GTC- PAMvet-PR, pela Resolução Sesa n.º 338 de 30 de julho de 2003. O GTC é composto por representantes das seguintes Regionais de Saúde: 2ª (Metropolitana), 3ª (Ponta Grossa), 10ª (Cascavel), 14ª (Paranavaí), 15ª (Maringá), 16ª (Apucarana) e 17ª RS (Londrina) e pelas Universidades Estaduais de Londrina (UEL), Maringá (UEM), Oeste do Paraná (UNIOESTE) e Ponta Grossa (UEPG). A partir de 2007, ingressaram no GTC, representantes da Divisão de Defesa Sanitária Animal (DDSA), do Serviço de Inspeção do Paraná (SIP) e do Centro de Diagnóstico Marcos Enriette (CDME) vinculados ao Departamento de Fiscalização e Defesa Agropecuária (Defis) da Secretaria de Estado da Agricultura e do Abastecimento e representante do Instituto Paranaense de Assistência Técnica e Extensão Rural (Emate/PR)..O objetivo geral do PAMvet-PR é avaliar continuamente os níveis de resíduos de medicamentos veterinários nos alimentos de origem animal, fortalecendo a capacidade do Governo no que se refere a atender a segurança alimentar, evitando possíveis danos à saúde da população.

 
Legislação
  • Resolução Sesa nº 0338, 30 de julho de 2003 - institui o Grupo Técnico-científico para coordenação e execução do Programa Estadual de Controle de Resíduos de Medicamentos Veterinários em Alimentos de Origem Animal – PAMVET/PR , com o objetivo de implantar, acompanhar e avaliar as ações do Programa.
  • Resolução Sesa nº 0337, de 30 de julho de 2003 - institui o Programa Estadual de Controle de Resíduos de Medicamentos Veterinários em Alimentos de Origem Animal – PAMVET/PR

 

Diretrizes - Programa Estadual de Controle de Resíduos de Medicamentos veterinários em alimentos de origem animal

 
Seminários
 
I Seminário Estadual de Resíduos

De 22 a 24/09/2004 - Foz do Iguaçu - PR

Sebastião Pinheiro
Fundação Juquira Candirú

Nelton Miguel Friedrich
Itaipu Binacional

Miguel Machinski Junior
Professor-adjunto
UEM/DAC – Maringá/PR

Wilmar Sachetin Marçal
Universidade Estadual de Londrina

Lucas Medeiros Dantas
Anvisa - Gerência-geral de Alimentos
Gerência de Ações de Ciência e Tecnologia de Alimentos

Silvana Lazaretti Bosquiroli
Lacen - PR

André Gemal
Instituto Nacional de Controle da Qualidade em Saúde - INCQS / Fiocruz

Sônia Cachoeira Stertz
Universidade Federal do Paraná
Programa de Pós-graduação em Tecnologia de Alimentos
Sociedade Brasileira de Ciência e Tecnologia de Alimentos – Regional Paraná

Francisco Herrero
Auditor e consultor na área de saúde e segurança alimentar
Universidade Estadual de Maringá-PR.

Daisy Pontes Netto
Laboratório de Toxicologia Veterinária
Departamento de Medicina Veterinária Preventiva
Centro de Ciências Agrárias
Universidade Estadual de Londrina

Manoel Baltasar Baptista da Costa

Ricardo Titze-de-Almeida
Faculdade de Agronomia e Medicina Veterinária
Universidade de Brasília

 
II Seminário da Região Sul do Para – Programa de Análise de Resíduos de Agrotóxicos  em Alimentos

21/05/2013 e 22/05/2013 - Curitiba - PR

  • O Siagro como ferramenta de rastreabilidade no uso de agrotóxicos

Allan G. C. Pimentel

Agência de Defesa Agropecuária do Paraná - Adapar

Situação atual do mercado hortigranjeiro no Brasil: contexto, avanços e perspectivas

Newton Araújo Silva júnior

Companhia Nacional de Abastecimento - Conab

  • Visão dos supermercados sobre rastreabilidade

Valmor Rovaris

Associação Paranaense de Supermercados - Apras

Carlos Alexandre Oliveira Gomes

Agência Nacional de Vigilância Sanitária - Anvisa

Ciro Expedito Scheraiber

Centro de Apoio Operacional das Promotorias de Justiça de Defesa do Consumidor - MPPR

Moacir Milan

Associação Brasileira de Supermercados - Abras

Marcus Vinícius Martins

Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento - Mapa

Antônio Carlos Poletini

Associação Catarinense de Supermercados - ACATS

Daniele Vilhar

  • Segurança alimentar e nutricional hoje no Brasil

Sílvia do Amaral Rigon 

Universidade Federal do Paraná - UFPR 

Conselho Nacional de Segurança Alimentar - Consea

 
V Seminário da Região Sul do Para – Programa de Análise de Resíduos de Agrotóxicos  em Alimentos

26/10/2016 - Curitiba - PR

  • Programa de Análise de Resíduos de Agrotóxicos em Alimentos - Para

Adriana Torres de Sousa Pottier

Agência Nacional de Vigilância Sanitária - Anvisa

  • Resolução Sesa nº 748/2014

Marcos Valério de Freitas Andersen

Secretaria de Estado da Saúde do Paraná - Sesa/PR

  • Rastreabilidade de frutas, legumes e verduras - Legislação de Santa Catarina

Letícia C. Teixeira

Secretaria de Estado da Saúde de Santa Catarina - SES/SC

  • A responsabilidade da cadeia de produção e comercialização de frutas, verduras e legumes do campo à mesa na implementação de sistemas de gestão da qualidade de alimentos

André Donadel

PariPassu

  • V Seminário do Programa de Análise de Resíduos de Agrotóxicos em Alimentos da Região Sul

Gustavo de Azevedo e Souza Munhoz

Promotoria de Justiça de Defesa do Consumidor de Porto Alegre - MP do RS

  • Produção integrada agropecuária como instrumento de desenvolvimento rural sustentável

Hellinton Rocha

Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento - Mapa

  • Promover a proteção dos direitos coletivos dos consumidores - planejamento estratégico - MPSC - 2012 - 2022

João Alexandre Massulini Acosta

Centro de Apoio Operacional do Consumidor - CCO e Promotorias de Justiça do Consumidor

  • Sispit: a produção integrada no tomate tutorado (de mesa)

Walter Ferreira Becker

Janaína Pereira dos Santos

Empresa de Pesquisa Agropecuária e Extensão Rural de Santa Catarina - Epagri

 

 

Diagnóstico preliminar do Plano de Reconversão e Diversificação da Cultura do Tabaco no Estado do Paraná 

Agricultura Familiar

A resolução Sesa nº 0217/2011 criou o Programa Estadual de Análise de Resíduos de Agrotóxicos em Alimentos