Em 81 dias, Paraná registra 215 mortes pela Covid-19
04/06/2020 - 16:59

A Secretaria de Estado da Saúde confirma mais 327 casos de Covid-19. É o terceiro dia consecutivo que o Paraná registra mais de três centenas de diagnósticos positivos, total de confirmações é de 5.820. Mais dez pessoas perderam a vida pela infecção, acumulado agora é de 215 mortes.

O Estado tem casos registrados em 264 municípios e em 79 ocorreu ao menos um óbito pela doença. Desde a primeira morte pela Covid-19 no Paraná, em 23 de março, somam 215 falecimentos pela infecção. Nesses 81 dias o monitoramento da Sesa mostra que apenas em sete datas não há registro de morte.

As 215 pessoas que perderam a vida pela Covid-19 tinham entre cinco e 95 anos. A média de idade é de 67,2 anos. A maioria dos casos que evoluíram para o óbito é de homens, são 141 mortos, representando 66% do total. 74 das pessoas que morreram eram mulheres.

O secretário Beto Preto ressaltou o cuidado necessário para o período da pandemia. “Temos visto dia após dia os números aumentarem, tanto de casos como de pessoas perdendo a vida pela doença. Cuide-se, cuide dos seus, cuide para não perder ninguém e para ficar saudável, precisamos nos unir em atitudes conscientes para não entrar num colapso nos nossos hospitais.”

As dez pessoas que morreram, foram a óbito entre o dia 1º e 3 de junho, são seis mulheres e quatro homens com idades que variam entre 37 e 84 anos.

Uma mulher de 89 anos, que residia em Pinhais, foi a óbito dia 1º de junho. Duas mulheres, uma de 59 anos, que residia em Cascavel, outra de 65 anos que era moradora de Santa Tereza do Oeste e um homem de 59 anos que morava em Céu Azul, faleceram na terça-feira (2).

Seis pessoas morreram na quarta-feira (3). Três mulheres: moradora de Londrina, de 84 anos; residente de Piraquara, de 58 anos; e uma que morava em Assis Chateaubriand, de 79 anos. Entre os três homens que faleceram ontem, registra-se um que morava em Guaporema, de 37 anos; um que residia em Piraquara, de 64 anos; e um de Arapongas, que tinha 54 anos.

INTERNADOS – Estão internados nesta quinta-feira (4) 317 pacientes com o diagnóstico confirmado para Covid-19 de todo o Paraná, 232 estão em leitos SUS (85 em UTI e 147 em leitos enfermaria) e 84 em leitos da rede hospitalar privada (33 em UTI e 51 em leitos enfermaria).

LEITOS SUS COVID – Do total de 1.947 leitos SUS exclusivos Covid-19 que a Sesa mantém em todo o Paraná, 644 estão ocupados por pacientes com suspeita ou confirmação de infecção pelo novo coronavírus. O Estado tem: 658 leitos de UTI adulto, 266 estão ocupados; 1.182 leitos de enfermarias adulto, 360 estão ocupados; 37 leitos UTI pediátrico, 9 ocupados; 70 leitos de enfermaria pediátrico e 9 estão ocupados. A média de ocupação dos leitos SUS exclusivos Covid-19 é de 33% na data de hoje (4). A quantidade de leitos pode variar porque além dos leitos em unidades próprias do Estado, a Sesa contrata diretamente leitos em unidades hospitalares filantrópicas e privadas para atendimento a pacientes Covid-19 quando necessário.

MUNICÍPIOS – 264 cidades paranaenses que têm ao menos um caso confirmado pela Covid-19. Em 79 municípios há registro de óbitos pela doença. Quantidade de casos novos e municípios:

  • 1 caso confirmado – Anahy, Antonina, Arapoti, Campina Grande do Sul, Campo do Tenente, Campo Mourão, Cantagalo, Carambeí, Catanduvas, Congonhinhas, Guapirama, Imbaú, Indianópolis, Irati, Iretama, Itapejara D'Oeste, Jardim Alegre, Jesuítas, Lindoeste, Manfrinópolis, Nova Fátima, Palmas, Paraíso do Norte, Planalto, Quatro Barras, Rolândia, São Tomé, Terra Rica, Tijucas do Sul, Tomazina, Três Barras do Paraná, Tupãssi. 
  • 2 casos confirmados – Almirante Tamandaré, Araucária, Clevelândia, Corbélia, Douradina, Pato Branco.
  • 3 casos confirmados – Assis Chateaubriand, Colombo, Fazenda Rio Grande, Guarapuava, Ibiporã, Laranjeiras do Sul, Ponta Grossa, Reserva do Iguaçu, Rondon, Santa Terezinha de Itaipu.
  • 4 casos confirmados – Cambé, Carlópolis, Foz do Iguaçu, Pinhais, São José dos Pinhais.
  • 5 casos confirmados – Tuneiras do Oeste.
  • 7 casos confirmados – Paranaguá.
  • 9 casos confirmados – Maringá.
  • 10 casos confirmados – Cianorte, Francisco Beltrão, Tapejara, Toledo.
  • 11 casos confirmados – Piraquara.
  • 14 casos confirmados – Cornélio Procópio.
  • 30 casos confirmados - Londrina.
  • 34 casos confirmados – Cascavel.
  • 38 casos confirmados - Coronel Domingos Soares.
  • 45 casos confirmados – Curitiba.

 

FORA DO PARANÁ – O monitoramento da Sesa registrou dois casos a mais de residentes de fora. São 75 pessoas que moram em outros estados e foram atendidas por aqui. Cinco pessoas foram a óbito.

Ajustes:
Um caso confirmado na data de 11/5 em Foz do Iguaçu foi transferido para o Rio de Janeiro/RJ.
Um caso confirmado na data de 1/6 em Cascavel foi transferido para Santa Tereza do Oeste.
Dois casos confirmados na data de 1/6 e 3/6 em Corbélia foram transferidos para Cascavel.

Um caso confirmado na data de 2/6 em Curitiba foi transferido para Almirante Tamandaré.

 

Confira o informe completo clicando aqui.
 

ESCLARECIMENTO EM RELAÇÃO AOS CRITÉRIOS ADOTADAS PELO CENTRO DE INFORMAÇÕES ESTRATÉGICAS EM VIGILÂNCIA EM SAÚDE (CIEVS) NOS CASOS COVID-19

Os casos de covid-19 são confirmados por dois critérios:

  1. Laboratorial: O critério laboratorial é utilizado para pacientes testados por RT PCR em tempo real pelo LACEN (Laboratório Central do Estado), IBMP (Instituto de Biologia Molecular do Paraná) e de laboratórios habilitados nos moldes do Decreto 4261/2020 ou por testes rápidos validados pelo INCQS (Instituto Nacional de Controle de Qualidade em Saúde).
    Nesse momento os únicos testes rápidos validados são:
    1.1 - ONE STEP COVID-2019 TEST®️ da fabricante Guangzhou WondfoBiotechCo., Ltda., cujo representante legal no Brasil é a empresa Celer Biotecnologia S/A.
    1.2- MEDTESTE CORONAVÍRUS (COVID-19) igG/IgM da fabricante Hangzhou Biotest Biotech Co. Ltd cujo representante legal no Brasil é a empresa Medlevensohn Com Repres Prod Hosp Ltda.
    1.3 – COVID-19 IgG/IgM ECO do fabricante Eco Diagnóstica Ltda-ME, cujo representante legal no Brasil é a empresa Eco Diagnóstica Ltda-ME
    1.4 – COVID-19 IgG/IgM BIO do fabricante Quibasa Química Básica Ltda, cujo representante legal no Brasil é a empresa Quibasa Química Básica Ltda
     
  2. Clínico epidemiológico: O critério clínico epidemiológico é utilizado nos pacientes em que não foi possível realizar coleta e com histórico de contato próximo* ou domiciliar**, nos últimos 7 dias antes do aparecimento dos sintomas, com caso confirmado por PCR para COVID-19. O critério clínico epidemiológico deve ser a exceção. Priorizar sempre a coleta de amostras dentro dos critérios estabelecidos.

Definição de contatos:

  • Contato próximo de casos confirmados de COVID-19:
    - Uma pessoa que teve contato físico direto (por exemplo, apertando as mãos) com caso confirmado;
    - Uma pessoa que tenha contato direto desprotegido com secreções infecciosas (por exemplo, gotículas de tosse, contato sem proteção com tecido ou lenços de papel usados e que contenham secreções);
     - Uma pessoa que teve contato frente a frente por 15 minutos ou mais e a uma distância inferior a 1 metro;
     - Uma pessoa que esteve em um ambiente fechado (por exemplo, sala de aula, sala de reunião, sala de espera do hospital etc.) por 15 minutos ou mais e a uma distância inferior a 1 metro;
     - Um profissional de saúde ou outra pessoa que cuide diretamente de um caso de COVID-19 ou trabalhadores de laboratório que manipulam amostras de um caso de COVID-19 sem Equipamento de Proteção Individual (EPI) recomendado, ou com uma possível violação do EPI.
  • Contato domiciliar de caso confirmado de COVID-19:
     - Uma pessoa que resida na mesma casa/ambiente. Devem ser considerados os residentes da mesma casa, colegas de dormitório, creche, alojamento etc..

 

 


 

Últimas Notícias