Escola de Harvard conhece Sala de Situação da Saúde
01/01/1970 - 16:30

Reunião Sala de Situação.
Participantes da Escola de Saúde Pública de Harvard e da Universidade Federal do Paraná visitaram, na manhã desta quarta-feira, a Sala de Situação da Secretaria de Saúde do Paraná que realiza o monitoramento, a analise e dá publicidade aos dados das arboviroses (dengue, zika e chikungunya), em tempo real.
O curso de Harvard é realizado em parceria com a Universidade Federal do Paraná (UFPR), também parceira do Estado na análise científica dos dados.
A Sala de Situação também identifica situações preocupantes e outros problemas de saúde da população do Estado. Segundo o superintendente de Vigilância em Saúde em exercício, João Luís Crivellaro, “as informações dos 399 municípios são cruzadas para facilitar a tomada de decisões rápidas e evitar possíveis surtos e epidemias.”
Para Márcia Castro, professora da Escola de Saúde de Harvard, a visita foi uma maneira dos alunos conhecerem a iniciativa de um Estado que resolveu fazer o que deveria ser feito em todo o Brasil. “É muito bacana, porque os alunos vão se formar e vão trabalhar com isso; eles têm que entender que informações detalhadas são necessárias para as tomadas de decisões”.
“A parceria entre a secretaria e a UFPR assegura a análise situacional com bases técnicas e científicas, dando respaldo às medidas que devemos tomar”, diz o responsável pela Sala de Situação, Raul Junior Bely.

GALERIA DE IMAGENS

Últimas Notícias