Farmacêuticos da SESA recebem capacitação para cuidados com paciente
24/01/2019 - 18:40

Publico Farmacovigilancia
Nos dias 23 e 24 de janeiro a Secretaria da Saúde do Paraná (SESA) realizou o segundo módulo de capacitação para os farmacêuticos das 22 regionais de saúde, com o objetivo de implementação de serviços de cuidado farmacêutico.

No primeiro módulo foi abordado o serviço de primeiro atendimento ao paciente, com o intuito de orientá-lo quanto ao uso correto de medicamentos, a forma de armazenamento e os benefícios esperados para a sua saúde com o início do tratamento. Atualmente, em 18 farmácias das 22 Regionais os novos pacientes já passam por uma consulta com o farmacêutico para receber esse serviço.

O segundo módulo teve como foco o serviço de farmacovigilância ativa, onde o uso de determinados medicamentos de maior complexidade são monitorados para identificar de maneira precoce o aparecimento de efeitos não desejados nos pacientes. Esse módulo foi ministrado pela Farmacêutica Vera Cristina Zanetti do Centro de Vigilância Sanitária da SESA e pelo professor Doutor Fernando Fernandez-Llimos da Universidade de Lisboa.

A capacitação foi transmitida por videoconferência para as 21 Regionais de Saúde, e contou com a participação presencial dos farmacêuticos do CEMEPAR (Centro de Medicamentos do Paraná), da Farmácia da Regional de Saúde de Curitiba, do CPM (Centro Psiquiátrico Metropolitano), do Consórcio Paraná Saúde, além de alunos de pós-graduação da UFPR (Universidade Federal do Paraná).

Esse programa de capacitação vem sendo coordenado pelo Departamento de Assistência Farmacêutica da SESA e realizado em parceria com a UFPR e a Escola de Saúde Pública do Paraná (ESPP). Segundo a farmacêutica do Departamento Deise Pontarolli, o objetivo é a formação dos farmacêuticos da SESA para o acompanhamento e a melhoria do resultado dos tratamentos dos pacientes que fazem uso contínuo de medicamentos ofertados pela SESA.

O professor Doutor Fernando salientou a importância desse projeto de implementação de serviços pelo fato de integrar três elementos fundamentais: farmacêuticos do serviço público, pesquisadores e gestores da saúde. Comentou ainda a satisfação em trabalhar com a SESA Paraná, por considerar a Assistência Farmacêutica no Estado um modelo para o país.

GALERIA DE IMAGENS

Últimas Notícias