Governo do Estado realiza mutirão da dengue neste sábado em 17 municípios
20/03/2020 - 17:50

Governo do Estado realiza mutirão da dengue neste sábado em 17 municípios
Soldados do exército, militares estaduais, coordenadores municipais da Defesa Civil do Paraná, radioamadores voluntários e agentes de saúde municipais realizarão neste sábado (21), uma grande ação de combate a dengue em 17 cidades do estado.

A Sesa já vem realizando a eliminação mecânica de criadouros em algumas cidades com resultados positivos de redução de infestação, como em Nova Cantu, Barbosa Ferraz, Florestópolis, Bandeirantes, Sertaneja e Medianeira.

A mobilização deste final de semana foi definida pelo Comitê Intersetorial de Controle da Dengue no Paraná e envolverá as Secretarias de Estado da Saúde e da Segurança Pública, prefeituras e coordenadorias municipais de Defesa Civil. A atividade está sendo organizada pela Defesa Civil do Paraná e acontecerá das 8h30 às 17h deste sábado.

“Trata-se de uma ação estratégica do Governo do Estado para reduzir a proliferação do mosquito transmissor da dengue; capacitamos os participantes do mutirão para a busca pelos criadouros de forma técnica, ou seja, com o olhar apurado e direcionado para os focos instalados em lugares diferenciados”, informa o secretário da Saúde Beto Preto.

“O combate à dengue é uma questão de segurança e as secretarias de estado estão alinhadas, promovendo ações para reduzir os números da doença; desta forma estamos participando com nossos profissionais para auxílio nestas cidades e vamos repetir esta ação, em breve, em outros municípios”, afirma o secretário de Estado da Segurança Pública, coronel Rômulo Marinho Soares.

O arrastão vai contar com a participação de cerca de 500 colaboradores, entre soldados do Exército Brasileiro, militares do Corpo de Bombeiros, radioamadores voluntários da REER (Rede Estadual de Emergências de Radioamadores), representantes da Defesa Civil e agentes de saúde.

A mobilização tem o apoio do Comando Militar do Sul e os 280 soldados do Exército participantes vão se deslocar das sedes regionais mais próximas das cidades.

Toda ação será coordenada do Centro de Gerenciamento de Riscos e Desastres da Defesa Civil Estadual, em Curitiba, que contará com representantes das instituições envolvidas. “O papel do gabinete de gestão será verificar o desenvolvimento da operação e dar apoio técnico às pessoas em campo, além de solucionar demandas que possam surgir durante a ação”, disse o coordenador da Defesa Civil do Paraná, tenente-coronel Fernando Raimundo Schünig.

Capacitação – Durante esta semana, os participantes foram orientados pela Sesa para a atividade de identificar e remover criadouros. Em vídeoconferência, o chefe da Seção de Apoio Logístico de Insumos e Equipamentos da Sesa, Aparecido Donizette de Oliveira, explicou o passo a passo da vistoria técnica e da eliminação do criadouro.

“Destacamos a necessidade de uma atenção especial nos poços desativados, ainda muito comuns nas cidades do interior, nas fossas, lajes, antenas parabólicas e reservatórios de água; cada região tem seus potencias criadouros, de acordo com as características e costumes”, afirmou o técnico.

As 17 cidades que receberão as equipes do mutirão neste sábado foram definidas de acordo com os números de casos confirmados registrados e índices de infestação.

“Pedimos para que a população receba os participantes desta mobilização, precisamos reduzir a proliferação do mosquito Aedes Aegypti em nosso estado e esta missão é de todo paranaense. Contamos com o apoio da população nesta luta, pois a dengue mata”, ressaltou o secretário Beto Preto.

Cidades – As seguintes cidades participarão da ação de mobilização : Altônia, Braganey, Brasilândia do Sul, Colorado, Floraí, Guairá, Iretama, Ivaté, Jacarezinho, Lupionópolis, Marechal Cândido Rondon, Nova Aliança do Ivaí, Nova Olímpia, Ourizona, Ouro Verde do Oeste, Paranavaí e Xambrê.

GALERIA DE IMAGENS

Últimas Notícias