Operação Verão: saúde intensifica ações de vigilância
22/01/2019 - 13:30

Atendimento Operação Verão
A Secretaria da Saúde do Paraná (SESA) aproveita a concentração de pessoas no Litoral nesta época do ano para intensificar as ações de vigilância, como a distribuição de material educativo, incluindo preservativos, e a realização de testes rápidos. Esse trabalho se soma ao atendimento médico e de socorro e emergências que aumentam muito neste período.

Foram feitos, por exemplo, quase 10 mil testes de HIV, hepatite e sífilis; e mais 6 mil verificações de glicemia e pressão arterial. Esse tipo de cuidado inclui orientação ao paciente com relação a eventuais doenças identificadas nos testes.

O resultado dos testes sai em cerca de 30 minutos, o que leva muita gente a aproveitar a folga para cuidar da saúde. Os resultados positivos passam por um segundo teste para confirmação e, caso seja confirmado, o paciente é encaminhado para a unidade de saúde do Estado mais próxima da sua residência.

De acordo com o diretor de Política de Urgência e Emergência da SESA, Vinícius Augusto Filipak, “observa-se um aumento de volume de atendimento, a princípio situado por volta de 10%” em relação a Operação Verão do ano passado. No total, desde o dia 21 de dezembro, foram registrados 5,5 mil atendimentos em hospitais da secretaria; 2,5 mil ocorrências atendidas pelo SAMU e 25 atendimentos aeromédicos.

Os veranistas também recebem orientações sobre o combate ao mosquito transmissor da dengue, cuidados com a água viva e atendimento da ouvidoria.
Segundo o técnico Franscisco Carlos dos Santos, o atendimento é feito para veranistas do Brasil inteiro, independente da procedência.

O serviço funciona sempre de quinta-feira a domingo das 9h às 17h, até o final da Operação Verão. As tendas estão localizadas em três pontos do litoral paranaense: Balneário de Ipanema, na praça central em frente à igreja; em Caiobá, na Avenida Atlântica em frente ao Edifício Monte Carlo; e em Guaratuba, na praça da Praia Central.

Últimas Notícias