Paraná Rosa vai levar orientação sobre a saúde da mulher durante o mês de outubro
24/09/2019 - 14:00

pr rosa
Representantes de Regionais de Saúde e municípios do Paraná estiveram presentes no auditório do Museu Oscar Niemeyer, nesta segunda-feira (23), para a Capacitação de Prevenção, Diagnóstico e Tratamento do Câncer de Mama. O objetivo do encontro foi a preparação para o Outubro Rosa, mês de prevenção ao câncer de mama.

A primeira dama do Estado, Luciana Saito Massa, que idealizou e apadrinhou a campanha deste ano, o Paraná Rosa, falou sobre a valorização da auto-estima para o cuidado individual das mulheres. “Queremos um outubro rosa mais humanizado, focado não somente na realização de exames, que é muito importante, porém, a mulher precisa ter a consciência que o estilo de vida, a alimentação e a atividade física também são fatores que contribuem para a prevenção do câncer.”

O Paraná Rosa é uma campanha que será realizada dentro do Outubro Rosa e tem como objetivo atingir em torno de 3 milhões de mulheres de todo Paraná. Durante todo mês, 43 municípios espalhados pelo Estado promoverão ações de incentivo e cuidado com a saúde da mulher.

O secretário de saúde do Estado Beto Preto ressaltou a importância de falar sobre o assunto durante o ano todo, mas intensificar nesse mês dedicado aos cuidados do câncer de mama. “O outubro rosa é o mês de lembrança, o mês que temos a oportunidade de mobilizar, articular, capacitar e dialogar sobre um assunto tão sério. Os exames estão disponíveis em todo o estado, durante o ano todo, mas esta é a hora de intensificar os cuidados e as 22 Regionais do Estado estarão envolvidas nesta ação no mês que vem.”

O médico epidemiologista, e chefe da Divisão de Detecção Precoce do INCA (Instituto Nacional do Câncer) Arn Migowski, ministrou a palestra sobre a detecção precoce e desconstrução de mitos que envolvem o câncer a convite da Sesa. “O projeto do Paraná para o mês de outubro é muito acertado, pois não trata apenas dos exames em si, mas da prevenção ao câncer de mama por outros meios, como o estilo de vida da mulher. Precisamos ampliar os conceitos e desconstruir alguns mitos que foram formados ao longo das décadas superestimando o papel do exame.”

Para finalizar o dia de aprendizados e capacitação, a diretora de Atenção e Vigilância em Saúde, Maria Goretti David Lopes, reforçou sobre a importância da conscientização da mulher. “Precisamos investir para que a mulher seja protagonista da sua saúde, conheça o seu corpo, se reconheça, se toque e procure o serviço de saúde, e nós, enquanto agentes de saúde precisamos estar sempre preparados para receber essa mulher e atendê-la da melhor forma".

ABERTURA – A abertura oficial do Outubro Rosa 2019 será na próxima terça-feira (1), a partir das 17 horas, no Palácio Iguaçu, em Curitiba.

Últimas Notícias