Presidente do Conselho Federal de Medicina enaltece modelo de regionalização da saúde adotado pelo Estado
15/01/2020 - 20:10

CFM_reuniao
O vice-governador Darci Piana e o secretário de Estado da Saúde, Beto Preto, receberam a visita do presidente do Conselho Federal de Medicina (CFM), Mauro Luiz Ribeiro, e a cúpula diretiva da entidade nesta quarta-feira (15), no Palácio Iguaçu. O modelo de regionalização da saúde adotado pelo Paraná foi elogiado pelo presidente, que destacou a importância de levar o atendimento mais perto das pessoas. Algumas demandas também foram apresentadas ao Governo do Estado, como o incentivo à formação de qualidade de profissionais médicos.

“Discutimos a formação de médicos e o processo de regionalização, que é também defendida pelo Conselho e ficamos muito impressionados com o que vem sendo feito aqui no Paraná. Ficamos muito otimistas com a política pública aqui no Estado”, afirmou.
A estratégia de regionalização já vem sendo colocada em prática com o fortalecimento dos consórcios intermunicipais de saúde, dobrando os investimentos para R$ 60 milhões neste ano por parte do Governo do Estado.

“Temos atuado para fortalecer o atendimento e facilitar o acesso das pessoas ao sistema público. Por isso, o Governo direciona importantes ações regionais de saúde, sob o comando do secretário Beto Preto, para que as pessoas sejam melhor atendidas e percorram menores distâncias”, disse o vice-governador.

O fortalecimento de unidade próprias, com do Complexo Hospitalar do Trabalhador (CHT) também foram apresentadas no encontro, bem como a liberação de recursos para obras de unidades básicas, hospitais municipais, equipamentos e veículos em diversas localidades do Estado. Segundo o secretário Beto Preto, o Paraná assumiu uma lógica inversa de atendimento da população.

“Ficamos contentes em receber o Conselho Federal e Regional. Colocamos a eles um pouco daquilo que estamos fazendo na saúde, numa opção clara de levar o serviço mais perto das pessoas, que por vezes precisam fazer deslocamentos de 500 quilômetros para fazer uma endoscopia. Saúde precisa ser ofertada perto da casa das pessoas. Esta é a missão que o governador Ratinho nos deu”, disse.

O presidente do Conselho Regional de Medicina do Paraná, Roberto Yosida, também elogiou a escolha de Beto Preto para comandar a pasta. “Ficamos felizes por termos um médico na condução da Secretaria de Estado da Saúde. O governador foi muito feliz na sua decisão e agradecemos também, em nome da entidade, pela indicação de um colega”.

GALERIA DE IMAGENS

Últimas Notícias