Santa Casa de Curitiba recebe equipamento de última geração
29/11/2021 - 19:20

A Secretaria de Estado da Saúde (Sesa), representada pelo chefe de Gabinete, César Augusto Neves Luiz, participou nesta segunda-feira (29), da entrega de uma nova sala de ressonância magnética. A inauguração do novo equipamento para exames de diagnósticos por imagens de alta qualidade foi em uma das principais referências de atendimento pelo Sistema Único de Saúde (SUS), a Santa Casa de Curitiba.

Com a nova ressonância, a unidade da Irmandade da Santa Casa de Misericórdia de Curitiba (ISCMC), poderá diagnosticar problemas como esclerose múltipla, câncer, infartos, fraturas, infecções no cérebro, nervos ou articulações, investigar as cartilagens, lesões de ligamento ou em órgãos internos, tendinite e até hérnias de disco.

O equipamento também pode ser usado em diversas especialidades como neurologia, sendo possível identificar o Alzheimer, ortopedia e cardiologia.

“A Santa Casa de Curitiba, é uma instituição secular e merece todo o respeito e apoio da Secretaria de Saúde. E esse é o olhar do governador Ratinho Junior para os hospitais filantrópicos do Estado”, disse o secretário de Estado da Saúde, Beto Preto.

De acordo com a Federação das Santas Casas de Misericórdia e Hospitais Beneficentes do Estado do Paraná (FEMIPA), existem mais de 100 hospitais filantrópicos, que representam 54% do total de atendimento SUS. Essas entidades estão presentes em 95 municípios paranaenses, e em mais de 50% deles, são os únicos hospitais.

“A Santa Casa de Curitiba é um grande parceiro do Governo do Estado, uma gestão feita com transparência e com sensibilidade aos mais necessitados, essa é a marca da Santa Casa, porque as filantropias têm essa história de êxito, de carinho e de amor com as pessoas que mais precisam. Fica aqui nossa saudação”, enfatizou o chefe de gabinete da Sesa.

Para o provedor da ISCMC, Dom Diamantino Prata de Carvalho, a inauguração da ressonância é um avanço, evidenciando o papel de referência da instituição na comunidade.

“Em seus 141 anos de história, a Santa Casa de Curitiba se inova a cada momento, providenciando um atendimento humanizado e inovador. Estamos em constante desenvolvimento e esse é só o começo de muitos outros projetos que temos a frente”, explicou.

HOSPITAL- Santa Casa de Curitiba teve seu início em 1866, mas só foi inaugurada em 1880, oficialmente como o primeiro hospital de Curitiba. Inicialmente com 160 leitos, hoje o hospital conta com 391 leitos, 10 salas de cirurgia, 632 médicos, 2.102 colaboradores diretos, 24 especialidades médicas e uma área de 17,5 mil m², atendendo SUS e convênios particulares.

PRESENÇA-Participaram o ex-provedor e Membro do Conselho de Administração, Dom Carmo João Rhoden e demais autoridades.

 

GALERIA DE IMAGENS