Segundo Woorkshop do PlanificaSUS acontece em Irati
03/09/2019 - 14:30

PlanificaSUS em Irati
A Secretaria da Saúde do Paraná (Sesa) está promovendo, em Irati, o segundo módulo do Woorkshop PlanificaSUS, projeto que visa a organização da Atenção Ambulatorial Especializada em Rede com a Atenção Primária à Saúde. Como a própria sigla do projeto já diz, o objetivo principal é a implantação de metodologia de Planificação da Atenção à Saúde, de acordo com proposta aprovada pelo Conselho Nacional de Secretários de Saúde (CONASS) e que abrangerá Regiões de Saúde das 27 Unidades Federativas do país, fortalecendo o papel da APS e a organização da Rede de Atenção à Saúde no SUS.

O Woorkshop começou nesta segunda-feira, 02, e segue durante todo o dia de hoje, no Clube do Comércio e na Faculdade São Vicente, com mais de 900 participantes. São profissionais que atuam no corpo técnico e gerencial das secretarias municipais de saúde, representando 9 municípios de abrangência da 4a Regional de Saúde de Irati. A meta é o planejamento e a organização do processo de trabalho das equipes, com foco nas necessidades dos usuários sob sua responsabilidade, baseando-se em diretrizes clínicas e terapêuticas.

O evento é coordenado pela Sesa e o Woorkshop é ministrado pela Sociedade Beneficente Israelita Brasileira Albert Einstein, de São Paulo.

No módulo aplicado nesta semana, os participantes discutem Características Territoriais e a Gestão de Base Populacional da área que atuarão. Estão sendo abordados assuntos como  estratificação de dados,  identificação das subpopulações alvo, cadastro familiar e cadastro e vinculação das unidades básicas dos municípios com o ambulatório de atenção especializada, entre outros.

“Ainda teremos mais 04 encontros com os profissionais que compõem a equipe do projeto piloto, desenvolvido aqui na Regional de Irati e que posteriormente será ampliado em todo o estado”, explica a diretora de Atenção e Vigilância à Saúde, Maria Goretti David Lopes.
Segundo a diretora, “o PlanificaSUS reúne um conjunto de ações educacionais, baseadas em metodologias ativas, voltadas para o desenvolvimento de competências de conhecimento, habilidades e atitudes, necessárias para a organização e a qualificação dos processos assistências à saúde”.

Últimas Notícias